quarta-feira, 21 de julho de 2010

- Correndo contra o tempo!

Aaah, mas eu ainda não fiz amizade com o tempo, tento passar dele, mas tenho que admitir que é ele quem me controla... é dele que eu dependo.
Ah, cheguei em casa hoje depois de muuuitas coisas... ai vim aqui pro pc baixar música... minhas férias estão no fim ja; ultima semana. =/
Bateu uma tristeza agora sabe? Uma saudade... saudade de vida livre, mais uma vez: saudade do verão. Queria poder pegar a bike e dar uma volta na praia com a música bem alta no meu ouvido, ou até aumentar o som aqui de casa no máximo pra eu poder SENTIR a música...
Estava lembrando do verão, que eu só vinha em casa pra colocar as roupas pra lavar e encher a mochila de novo e ir pra casa de alguma amiga. Ficar 4 dias virada de balada e ainda ir curtir o show da Ivete, e meu irmão falar: "Nena, senta aqui. Você tá usando drogas?" hahahahah... foi tão engraçado. E eu não bebo nem fumo hein? No show da Ivete stava qse morrendo... depois dele dormi 18h direto. Mas foi o melhor verão da minha vida. Conheci mta gnt, corri mtos riscos, tomei banho de sol e banho de chuva, ouvi desde rebolation à slipknot. Foi um verão de conhecer todas as baladas da baixada, de sair de casa sem rumo e com cinco reais no bolso... e as 7h00 da manhã ter um bilhão de novidades pra contar.
Aaaah, mas eu vivo a minha vida tão intensamente nas férias que da até tristeza... pq a minha vida inteira não poderia ser assim? Aaah, naquela época eu chorava no fim da balada... chorava de felicidade... era tão bom.
To sentindo falta das minhas amigas...
Lembro das férias que eu colocava no nick do msn: "Pronde vamos hj?" e não dava 5 minutos que eu arrumava algo pra fazer... cada dia uma nova aventura. Foi viver 24h.
Foi um tempo de beleza, de roupas e sapatos novos, de glamour... um tempo de brilhar. Aaah, mas também foi o tempo de sair de casa com o cabelo molhado e fazer a maquiagem em todas as esquinas e chegar na balada bronzeadinha me sentindo a mulher mais linda do mundo. Foi um tempo em que eu me sentia segura. Eu não me importava se eu era o patinho feio, eu me sentia Cisne.
Aaaah, saudade do passeio de escuna com as meninas do cursinho... tudo pra correr mais riscos! Aaah... Santos... a cidade maravilhosa... aquela cidade inspira felicidade! TUDO! Os sons, as pessoas, o clima... tudo é maravilhoso!
Aaaah, mas infelizmente eu volto praquela cidade toda CONTRUÍDA... cheia de gente fria e chata... mas ja sei os dias em que eu toco as terras quentes do litoral, e vou pra la fazendo contagem regressiva para voltar, mais uma vez.
Não queria ser adulta, por mim seria adolescente pra sempre.

Saudade das minhas férias, saudade da diversão sem limites, e das baladas de chinelo à salto agulha. Saudade de ver o sol nascer no Morro do Maluf e ver aquele brilhinho laa na linha do horizonte.... saudade do cheiro da maresia no fim da tarde ou de ver os surfistas de alongando as 5h30 da manhã, enquanto eu voltava pra casa, quebrada da balada.
Volto pra Curitiba, na esperança que o tempo voe pra que eu volte a respirar ares litoraneos novamente, ares impregnados do melhor sentimento que existe... felicidade.

2 comentários:

Juliana disse...

O melhor post ever Paixao!!! Tbem neh...o melhor verao de todoooos foi o assunto =D

Fizemos parte da vida durante essas maravilhosas ferias..mas como o tempo num volta mais.....aproveitemos q o verao volta e repetiremos a dose no proximo, ok?

Ana Lúcia disse...

minha linda.. *-*
tê-la visto hoje a tarde (bem como ter passado boa parte do meu dia contigo) foi algo assim, PERFEITO.
tu não tens idéia da falta que fazes.. gostaria MUITO estar do teu lado TODO O DIA, te dando um abraço BEM gostoso.
eu te amo.