sábado, 27 de julho de 2013

Férias de julho Pt. 1

Enfim, vamos ao post sobre as férias de julho...
Na verdade era pra eu ter feito um post de 'abertura de férias', mas eu entrei na farra tão rápido que não deu tempo! =P

Sempre começo os posts com uma música... se fosse pra colocar a música que inspirou minhas férias, seria uma mistura de 'The Killers' com muito pop e house. Mas vou postar a música que estou ouvindo ao escrever aqui.


Essa música chama-se Hey-Ho (Lumineers). Escolhi essa pois foi trilha sonora de muuitos passeios pela praia, e costumava tocar próximo do nascer do sol, fim de balada e tal...

Agora, à parte prática.
Minhas férias começaram no dia 06.07, foi um fim de semestre terrorista, bastante difícil, mas consegui passar em tudo. Cheguei no Guarujá triste, já fazia quase 2 meses que eu estava 'solteira', mas ainda assim eu me sentia solitária, carente, incompleta.. parecia que faltava algo. Mas sabia que eu precisava me recuperar, que nesses dias de férias eu precisava 'acumular vidas' pra passar pelas próximas fases.
No sábado mesmo sai pra dar uma volta com meus amigos, enfim conhecer a 'Shi', namoradinha do meu amigo Lucas... fomos pra La Piazzeta como de praxe. Naquele sábado eu chorei muito antes de sair, queria muito "encontra-lo", e ele apareceu de moto lá no bar... mexeu muito comigo, mas passou.
Ficamos até 3 e pouco no bar, e depois fomos pra casa dormir... Nada demais, para um início de férias, e considerando meu estado de humor, foi satisfatório.
No domingo fomos pra festa junina da Barra Funda, eu a Kel e o Bruno. Nada demais também... Mas ô lugar de gente bonita viu? Se eu soubesse teria ido antes! hahaha

Depois daqui eu me perco na cronologia... 
A Ká (Karine Magalhães) estava de férias no Guarujá, e nessas horas eu percebo como Deus coloca as pessoas certas no meu caminho. Não estou desmerecendo as minhas outras grandes amigas, minha família, mas todo mundo trabalha. E tinha alguém que estava como eu: DE FÉRIAS! Que teria tempo pra 'atividades extra-curriculares' a qualquer hora do dia. E aí que a Karine tornou-se minha grande irmã.
Meus pais logo foram viajar de férias, e eu fiquei com o carro e casa pra mim. =D
Foi uma delícia, porque eu dei MIL rolês...  do Guaiuba até a Península até cansar - ou a gasolina acabar. Em dez dias foram 2 tanques cheios!
Foi tão bom descobrir o prazer de dirigir em alta velocidade ao som de uma música que você adora, com o volume no máximo - e a cidade vazia! Foi tão bom passar no drive do Mc Donalds de carro (né Ká?), comprar um lanche e parar na praia pra comer!
Foi TÃO BOM passar num buraco, o pneu FURAR e eu parar, olhar pra Ka e falar: FODEU! Tu sabe trocar pneu de carro? hahahaha

Foram dias mágicos... e eu superei, superei a ausência que existia dentro de mim, e ficar com meus amigos me trouxe alegria plena... não havia mais a espera por um abraço, não havia mais espera por defesa caso alguém se aproximasse, não havia mais 'passividade' em meu ser.

Saímos no sábado seguinte, fomos pra uma baladinha. Foi estranho, porque esse clima pede certa promiscuidade, que eu não estou nenhum pouco habituada. E eu descobri que não sabia mais retribuir à um olhar masculino, que não sabia mais 'paquerar'. Descobri que me sinto insegura, e que acho que nenhum homem vai olhar pra mim - o que não aconteceu. E isso ainda não mudou. Não me sinto segura a me aproximar de um homem, me acho gorda - e realmente considero a possibilidade de emagrecer para melhorar este lado.
Maaas, eu estava me achando muito velha antes das férias, e conclui que não estou tão velha assim! Hahaha

Nessas férias eu RE-aprendi a olhar no olho, até a buzinar para retribuir uma bela olhada! hahahahaha Foi inédito este momento! Mas enfim...  Eu criei esperanças nessas férias. Criei esperanças que eu posso sim encontrar outra pessoa pra formar uma família com aquela caretisse toda. Descobri que existem várias pessoas como eu, que também são caretas.
Descobri que não é preciso sair sexta, sábado e domingo pra encontrar alguém - Mas é preciso sair de vez em quando. E que a melhor maneira de encontrar alguém é via amigos-de-amigos...
Apareceram várias pessoas - mesmo eu estando gorda, veja - e isso me fez bem. Infelizmente amor é como 'chave-fechadura', e ninguém que apareceu foi 'compatível' ainda... mas admito que elevou um pouco meu ego, e me fez ver que é possível ser feliz com alguém novamente.

Nessas férias eu tracei novos planos, criei novas metas, e me dei a chance de ser feliz novamente. Nem tenho como agradecer meus amigos, que tanto estiveram ao meu lado nesses 19 dias. Eles me puxaram pela orelha, até eu sair do buraco que estava.
Vimos o nascer do sol no Maluf, compramos Mc Donalds e fomos tomar café da manhã lá em casa... Fizemos uma festa junina com um 'after' excelente, fui pra barzinho, fui pra balada, fui pra praia, comi x-salada (que eu amo), e até acompanhei a Ká levando o Bruno de bicicleta no BNH! Foi DEMAIS! 
Aaah, teve algo inédito. Fui pra festa junina da Federal, algo que eu não conseguia fazer desde que terminei o ensino médio! Aaah, foi bom demais rever meus amigos, rever minha escola. E mais, fui de carro pra Cubatão! Hahaha... com a Karine claro! =P A melhor Dj-copilota

Quando eu saí pra férias eu disse que queria que todos os dias fossem sábados... e posso garantir que foram. Uns mais animados, outros menos. Mas praticamente não dormi em casa, e quando dormi, já era dia.

Em relação ao meu coração, é dificil dizer o que eu estou sentindo, o amor é algo muito lindo e muito forte pra dizer que acaba em 3 meses. Mas hoje eu posso dizer que NÃO SINTO FALTA, e logo, não sofro mais. Não consigo mais chorar por aquilo. Enquanto antigamente qualquer comentário, piada, alterações no face dele me faziam sofrer, hoje não fazem mais. Eu procuro não ficar olhando muito, mas quando olho, já não me afeta. Não gosto muito de ficar falando sobre o que eu sinto, porque sou muito instável... então pode ser que amanhã eu já esteja chorando novamente. Mas sinto-me muito mais forte, mais auto-suficiente. Sinto que não preciso mais dele pra viver. Sinto que posso suportar a solidão curitibana sozinha, e SINTO que essa solidão não durará muito.
Tenho certeza que dias melhores virão, e não estão longe.

Aff, eu tenho mais uma tonelada de coisas pra dizer aqui... Mas por hoje fico aqui.
Comecei o 5ºano da faculdade, período de internato. To meio perdida ainda. Mas assim que eu me achar falarei dessa nova fase.
Aaah, boa notícia: Agora sou Chefe da Liga de Ginecologia e Obstetrícia do HMSB. =D

Deixo, por fim, algumas fotos das minhas aventuras de férias. 
Tentarei fazer um post II sobre isso, com mais detalhes.
Mas considerando que a proposta do blog era um 'diário'... aqui registrado já está.

Boa Noite a todos!

Eu e a Ká PRE-PA-RAdas pra festa junina lá em casa! =D

Nossa saídinha em Santos muito boa! Na foto: Rackel, Jack, Bruno, eu e Ká

Bodas da Ana S2 Gino. Na foto Lucas, Ana, Shi e Eu ;)

Before baladinha

Nosso encontro com a Ana no La piazzeta no último sábado. Lembramos o quanto a nossa portaria rendia no nosso tempo de café! hahaha

1ª aquisição de férias; Evandro Santo - O melhor do pior. Livro excelente, garante boas risadas, li e recomendo.

Foto horrorosa... mas enfim, é bom guardar recordação. Nascer do sol pós balada. Foi aqueeela correria pra chegar a tempo de ver o sol nascer.

Eu adoro esse lugar... pra quem não conhece é a praia da enseada, e a Jack preferiu ficar no carro. Tava friiiio. Detalhe: Está aí a prova que o sol 'anda' horizontalmente durante o ano. Tenho uma foto ao nascer do sol no verão, neste mesmo lugar, e o sol nasce 'do mar' ;)

Eu não poderia esquecer dos meus sobrinhos né? Foram tardes muito divertidas... E com conversas internacionais no Skype!


Nossa festa junina - O começo! As fotos do fim não estão comigo ainda. Mas teve direito até a video de Harlem Shake. Obrigada aos Ilustríssimos visitantes que não aparecem com frequencia: Paulinho e Paulinha, e Elder e Karina. Sejam sempre bem vindos. E o Elder é profissional do kinect depois desse dia. E ah, João, espero que não tenha se assustado conosco.
Ps: Clareei os cabelos... nessa foto da pra ver bem! xD 

Nosso café da manhã saudável pós balada e antes do nascer do sol.

Reencontro CEFET 347-2008. Na foto Barbara, André, Helena, Ana, Eu, Isa. Embaixo: André, Matheus e Lucas. Muito bom reencontra-los galera.

Misss! Profe linda! Minha mamãezinha 2. Tenho por ela grande orgulho e um amor imenso. A foto não ta boa, mas PRECISO registrar esse momento aqui.


Essa foto foi tirada no meu primeiro role de carro pelo Guarujá....


... Na mesma noite consegui furar o pneu do carro! Hahaha Foi inédito!


Eu e a Ká no drive do Mc. Há 3 anos atrás estavamos nesse mesmo drive, A PÉ! hahahaha Tivemos que ficar na fila, esperando entre um carro e outro, foi demais. Viu amiga? Evoluímos!

Ultimo dia de férias, fomos até o itapema pra Ká ver onde eu cresci, e pra eu matar as saudades também né? Ai não basta ir ao itapema, tem que carregar alguém na garupa da bicicleta. Na foto à esquerda: Karine levando Bruno na garupa da bicicleta, e o Elder de moto à direita. E eu no carro TENTANDO tirar uma foto! hahaha


Ah, essa foto foi no primeiro dia de férias (meu cabelo ainda tava escuro), foi tirada lá na península!

Ufa! Fico por aqui hoje!
;) Até mais!







3 comentários:

Zenilde Carmo disse...

Excelente, como sempre. Vale lembrar que encontrar um grande amor não tem nada a ver com ser gorda ou ser magra. Isso falando de amor verdadeiro, para sempre. Beijos

Anônimo disse...

A unica coisa que eu tenha à dizer é: EU TE AMO,e garanto que tudo isso foi reciproco,é um prazer ENORME esta ao seu lado! Que venha mais 3 anos de amizade e férias inesquecíveis.

Anônimo disse...

Vc é uma mulher linda, inteligente ...uma grande pessoa, não perca seu tempo com pessoas pequenas.