segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Fim

E nada data de hoje, 03 de fevereiro de 2014, venho colocar um fim às atividades do meu blog.
Pode ser que eu volte um dia... Mas atualmente a minha decisão é permanente.

Coloco fim neste blog pois tenho novos projetos.
A exposição da minha vida aqui dá muito o que falar. Então criarei um novo blog, onde usarei um pseudônimo... Assim posso falar o que eu bem entender.
A proposta desse blog foi fazer um 'diário ao 20 anos'... Mas algumas vezes tive vontade de escrever detalhes, e tive que me conter, pelo nome que acompanha esta página.

Lógico que não vou postar aqui qual será meu pseudônimo, mas preciso dizer que o projeto está demais!
Hahaha Literalmente chutando o pau da barraca! hahahaha

Quanto ao livro... Bem, se for sair do papel mesmo, será em parceria agora, e não mais um... Mas uma trilogia. É mais um projeto... e se for falar em sonho, nossa, parece fantástico.

Gostaria de agradecer a todos que acompanharam meu blog... São mais de 9 mil visualizações em quase 5 anos.
Esse foi um projeto de suma importância em minha vida. Aprendi a me expressar de forma única aqui.
Escrevi crônicas, contos, xingamentos... Aaah esse blog!
Agradeço a todos os comentários, a todos que torciam por mim, e quando me encontravam diziam - Aah, eu li seu blog!
Fiz amigos de norte a sul do Brasil. Recebi emails de pessoas que se identificaram com a minha história, pessoas que me deram conselhos, e pessoas que queriam até namorar comigo! hahaha

Tive admiradores secretos e declarados, tive 'odiadores' hahaha MUITO bem declarados.
Como esse blog incomodou viu?

Se esse blog fosse uma toalha, ao torce-lo encheria um balde de lágrimas.
Mas tudo bem.
No meu novo projeto eu poderei escrever todas as minhas peripécias e desventuras sem medo ;)

Esse é um ciclo que se fecha.
Para que novos possam se iniciar.

Antes de ir, preciso ainda compartilhar uma última reflexão...
Há algum tempo sinto que já fiz tudo que tinha que fazer por aqui.
Sem tristeza... Não é isso.
Sinto que já cumpri minha missão, e minha hora já deu. Ah não ser que surjam novos estímulos, eu poderia até ir agora.
Não fico triste por isso. É que não vejo mais motivos para continuar. A vida é de sobrevida saca? Não gosto disso... É tudo tão igual.
Acho que ja disse tudo que tinha que dizer, ja ajudei quem eu tinha que ajudar, e já sofri o que tinha que sofrer.
Eu vivi...
A morte seria apenas a aventura seguinte
;)

Sem confetes e lamentações... É que eu precisava deixar isso registrado aqui.

Foi bom estar aqui.

Isso é mais um pedaço da minha história.

Fiquem com Deus! =D

Nenhum comentário: